terça-feira, 15 de abril de 2008

22 dias de Suíça, novidades e conquistas.

Olá amigos,
como todos vocês sabem, nós preparamos para um desafio e nos deparamos com outro. O processo do Canadá já tem quase dois anos, fora os três anos anteriores de preparação. Foram, então, cinco anos para planejar como seria a nossa vida lá. Sabemos mais do Canadá do que muito canadense. rs Já para a Suíça, do primeiro contato até a data que chegamos aqui, foram apenas cinco meses. Depois do "Você está contratado" foram só três meses. Podemos dizer que fomos e estamos sendo pegos de surpresa todos os dias.

O Ênio estar empregado já é uma maravilha por si só e facilita muito a nossa vida financeira. Mas isso não resolve o problema da adaptação das crianças (eu e Leila). A língua aqui, nas ruas, nos comércios, na vida cotidiana, é o alemão. No trabalho do Ênio é o inglês.

Como o Ênio tem que trabalhar, alguém tem que ir para a rua procurar apartamento para morar. Eu pensei que fosse muito fácil. Afinal, ele tem emprego e um bom salário. Mas aqui não funciona como no Brasil. Você não vê o apartamento, diz que gostou, faz o cadastro e fica com ele. rs Isso seria muito fácil. Aqui, você vai na VISITAÇÃO (dia e hora que marcam no anúncio para todos os interessados conhecerem o apartamento), às vezes com o inquilino dentro ainda. Pega um formulário, coloca os dados, todos os seus documentos, diz quanto você ganha por ano, envia pelo correio e espera. O proprietário vai analisar todas as fichas e escolher quem ele quer que ocupe, imóvel dele. O critério é dele. A maioria prefere alugar para suíços, depois para estrangeiros que falem alemão e, por último, para quem aparecer. rs

Depois de mais de dez visitações, debaixo de chuva, pisando na neve, pegando vento e frio, eis que ontem nos ligaram para dizer que conseguimos um apartamento. Valeu a pena o cansaço, o stress, o choro. Agora temos um cantinho para morar, no terceiro andar, sem elevador, mas vai ser nosso primeiro lar aqui na Suíça. Vocês não têm noção da sensação de dever cumprido, da felicidade que isso dá. rs Foram noites e mais noites que o Ênio perdeu lendo e preenchendo os formulários em alemão. Foram quilômetros e mais quilômetros caminhados por mim e pela Leila nos dias gelados de início de primavera.

Agora podemos procurar outras coisas, podemos ver creches (aqui não tem escolinhas para maternal nos moldes do Brasil, só as bilingües), escola de inglês e alemão para mim. Academia. Enfim, começar a tocar a vida. Já não era sem tempo. rs

Seguem algumas fotos dos nossos primeiros dias.



Leila se acabando em um evento indoor. Era a mais animada, nem parecia que a língua era outra.


Leilinha no meio do nada em mais uma visitação friorenta. rs

Leila e mamy no museu dos brinquedos. Muito legal.


Ah! Zurique.


Papai, que lindo!

Pegando o barco. Aqui você paga o passe mensal e ganha direito a usar também o barco. Vista dos Alpes, quantas vezes quiser.

6 comentários:

Cau disse...

Vai dar tudo certo! Antes do tempo, a Leila vai virar poliglota e, no dia que quiserem voltar, com a educação que ela terá aí, todas as portas estarão abertas! Cabeça no futuro sempre!!

Feliz por vocês!!

Claudia

Fernando Faian e Silvia disse...

Oi Carol, que chique vocês. Já pensou que experiência maravilhosa vocês estão proporcionando para a filhota!
Devagar tudo se organiza.
Felicidades! Um beijo.
Silvia

Sandro e Família disse...

Muito legal saber que a vida está entrando no ritmo normal. Foi interessante ver todo o processo para se alugar um apartamento por aí.
A oportunidade de aprenderem alemão será uma das grandes conquistas dessa temporado na Suiça.

Abração

Rogério disse...

Que bom que as coisas estão se ajeitando... Às vezes vou falar algo que você já sabe, mas o francês também é bem falado na Suiça.

Com é engraçado a vida de blogueiro. Nesta semana fiquei sabendo que estou fazendo aula de inglês com o Epaminondas, ex-colega de sala do Ênio.

Como é a vida, desde junho de 2007 leio o seu blog, fomos em um mesmo evento, fazia aula na mesma escola que o Ênio, Natural English, e nunca nos conhecemos pessoalmente, rs...

Grande abraço e tudo de bom!!

Rogério

Van disse...

Nossa, fiquei um tempão afastada da blogosfera e agora estou lendo todas estas novidades aqui no Brancas Nuvens. Que incrível para vocês essa experiência! Se o Canadá já é bom, com escala na Suíça, melhor ainda! Parabéns pela dedicação do Ênio. Admirável o empenho dele. Desejo toda a sorte do mundo para vocês. E aproveite para aprender o francês e o alemão. Será um plus para quando chegarem no Canadá.
Bjs
Van

MAMMY disse...

Oi meu nome é simone moro em blumenau-sc, ja estive na suiça... mas agora tenho família ( duas pequeninas) gostaria de voltar aí e me estabelecer... poderiam me dar algumas dicas??? Posso fazer uma permuta temporária se conhecerem alguma família suiça interessada...mando fotos da casa ou aptos... grata.